Capinha com tachas #euquefiz

Fiz essa case no ano passado já que eu não achava em lugar nenhum pra comprar. Deu trabalho, é meio pesadinha, mas amo tanto ela e ficou tão linda que achei melhor compartilhar (mesmo que muito atrasada. hehehe). Comprei as tachas na internet (esqueci o nome da loja), mas dá pra achar fácil na Buenos Aires, tanto na Caçula, quanto na Altero. 

A maquiagem é de carnaval gente. Favor não me chamar de louca!
Essa foto é do meu dia mais feliz de Carnaval com a minha capinha e maquiagem de pedrinhas. To achando essas spikes boas demais. Até agora não mudaram de cor ou enferrujaram.


Como eu fiz:
1.Escolha uma capinha bem molinha e fina que fica mais fácil de trabalhar.
2.Faça uma marcação de lápis só para guiar a aplicação das tachas. Eu não fiz e a minha ficou meio tortinha, mas tudo bem.
3.Depois aplique as tachas uma linha de cada vez. O mais chato é alinhar as bichinhas, então fique atenta.
4.O alicate ajuda muito na hora de fechar a garrinha da tacha, mas tem como fazer sem ele numa boa. Só fica com o dedo doido. 


Existe uma engenhoca que é um aplicador de tachas. Vende na Caçula da Buenos Aires (60 realidades). E daí você compra a base para cada tacha de tamanho ou formato diferente. A base custa em torno de 15 reais (cada). Fiquei tentada! Mas é aquilo, vale a pena se você é a loka da tacha ou faz para vender. Pois dá pra usar pra tudo: roupa, bolsa, case, tudo! Agora, se você só quer fazer uma coisinha só, vai na mão mesmo que é mais vantagem.

Nesse link (aqui) tem passo a passo bem legal para fazer case colando as tachinhas. Bem mais prático! E essa semana conversando no Instagram surgiu uma dúvida pra quem só conseguir comprar uma capinha mais durinha. É só fazer o furinho para encaixar as tachas com a pontinha de um estilete.

ATUALIZANDO: Gente é muito importante colocar uma película para proteger o telefone das tachas, ok?!